Ticker

Menos um desgraçado no legislativo.

Vereador Renato Freitas (PT) cassado definitivamente.

A Câmara Municipal de Curitiba cassou, de maneira definitiva, o mandato do deputado Renato Freitas (PT), que interrompeu um culto em uma igreja da cidade para protestar contra a morte do congolês Moïse Kabagambe, em janeiro deste ano no Rio de Janeiro. O parlamentar agora fica inelegível por oito anos.

Nesta quarta-feira (22), em segunda votação, os vereadores decretaram a perda de mandato de Renato com 25 votos favoráveis e sete contrários, além de duas abstenções. O resultado foi o mesmo da sessão de ontem, em primeiro turno.

Em fevereiro, duas semanas após o caso Moïse, Renato esteve em uma igreja no Centro Histórico de Curitiba junto a manifestantes que gritavam “racistas” e “fascistas” aos presentes. O grupo ignorou os pedidos do padre, que queria continuar a cerimônia.

Gente Decente

Sou brasileiro. Da gema. Conservador chato, renitente e resiliente.

5 Comentários

Por favor:
Sem stress e agressões, assim como posturas descabidas.
Comente, divirja mas com educação.
E principalmente: SEM AMEAÇAS. O autor deste blog não é idiota.

  1. Comunista não respeita nada! DEUS HÁ DE NOS LIVRA DELES.. Amém.

    ResponderExcluir
  2. Toma petista FDPuta. Respeite as nossas religiões.

    ResponderExcluir
  3. Essa ptralhada não merece respeito ! Grntalha inútil que não vale o que defeca

    ResponderExcluir
  4. Essa PeTralhada é a pior desgraça que o satanás enviou para o Brasil 🇧🇷 e alhures!

    ResponderExcluir
Postagem Anterior Próxima Postagem